Atriz Vanessa Redgrave vem ao FIC 2017

Estrela do cinema mundial, vencedora de um óscar e de muitos outros prémios, Vanessa Redgrave será um dos nomes grandes a participar na 3ª edição do FIC – Festival Internacional de Cultura, que se realiza entre 1 e 30 de Setembro próximos, em Cascais.

Numa visita que resulta da colaboração estreita com a Fundação Dom Luis I e a Câmara Municipal de Cascais, o FIC contará com a presença de Vanessa Redgrave na tarde de domingo, 17 de Setembro. Nessa data, às 19h, a actriz estará na Casa das Histórias Paula Rego para participar numa conversa com o jornalista António Borga e com o público, que sucederá à projecção do clássico “Júlia” (17h), filme escolhido pela própria artista pelo facto de a personagem que interpreta remeter para situações muito actuais. No final da sessão, Vanessa Redgrave será homenageada pela Academia Portuguesa de Cinema.

No mesmo dia e no mesmo local, às 21h30, prossegue o ciclo de Encontros e Debates do FIC com uma conversa entre os jornalistas Clara Ferreira Alves e Rodrigo Guedes de Carvalho, moderada por Maria Flor Pedroso e dedicada ao tema “O bem, o mal”.

Vanessa Redgrave (Londres, 1937) é uma conhecida actriz de teatro e cinema inglesa, filha do actor Michael Redgrave. Iniciou-se no teatro aos 18 anos e no cinema trabalhou desde cedo com grandes realizadores como Michelangelo Antonioni (“Blowup - História dum Fotógrafo”, 1966). Obteve várias nomeações para melhor actriz (“Morgan”, 1966, “Isadora”, 1968 , “Duas Rainhas”, 1971, “As Mulheres de Boston”, 1984, e “Regresso a Howards End”, 1992). Em 1977 ganhou o Óscar de Melhor Actriz Secundária pelo filme “Júlia”, o mesmo que será exibido no FIC a 17 de setembro. Mais recentemente, desempenhou papéis em grandes produções como “Missão Impossível” (1996), “Vida Interrompida” (1999) e “Os Três Reis” (2000). Tem tido papéis em séries de TV como “Nip/Tuck”, entre outras. Recentemente realizou, com o filho Carlo Nero, o documentário “Migrações”.

“Julia” (EUA, 116 min.) foi realizado em 1977 por Fred Zinnemann, tendo como actrizes principais Jane Fonda e Vanessa Redgrave. O filme, passado nos anos 40, conta a história de duas amigas de infância que percorrem caminhos diferentes: Julia foi estudar em Viena e Lillian tornou-se uma conhecida escritora. Julia, que vive na Europa, pede-lhe que aproveite uma viagem que a escritora vai fazer à União Soviética para contrabandear dinheiro, através da Alemanha, para ajudar as vítimas do regime nazi, na altura em forte ascensão. A missão atribuída a Lillian, de origem judia, afigura-se plena de perigos. As duas amigas têm um rápido encontro no qual Lilian toma conhecimento que Julia tinha uma filha. Logo após regressar à América, Lillian fica a saber do assassinato da sua amiga e decide viajar para Inglaterra, na esperança de encontrar a filha de Julia, de quem tinha prometido cuidar.

O FIC – Festival Internacional de Cultura - ocorre entre 1 e 30 de Setembro, em Cascais. O programa vai da literatura à música, passando pelo teatro, o cinema, exposições, animação infantil, noites de poesia, artes de rua, eventos de gastronomia e uma inovadora Festa do Livro. A generalidade das actividades é de entrada gratuita, sendo que o festival resulta de um esforço conjunto da LeYa, da Câmara Municipal de Cascais e da Fundação Dom Luís I.